Paulo Saldiva
Diretor do Instituto de Estudos Avançados da USP

Formado em 1977 pela Faculdade de Medicina (FM) da USP, com residência em patologia finalizada em 1980 e doutorado em 1985 (pela FM-USP). Em 1998, tornou-se professor titular de Patologia da FM-USP. Exerceu as funções administrativas de chefe das Divisões de Laboratório Central, Anatomia Patológica do Hospital das Clínicas da FM-USP e Patologia do INCOR FM-USP, bem como cumpriu vários termos como chefe do Departamento de Patologia e dois termos como presidente da Comissão de Pesquisa da FM-USP. Foi adjunto da Pró-Reitoria de Pesquisa da professora Mayana Zatz.

Tem como áreas de atuação em pesquisa os temas Patologia Pulmonar, Patologia Ambiental e Poluição Atmosférica. Foi membro do Comitê da Organização Mundial de Saúde que estabeleceu os padrões de qualidade do ar. Foi membro do Comitê da Agência Internacional de Pesquisa em Câncer da OMS que definiu o potencial carcinogênico da poluição atmosférica. De 2004 a 2014, integrou o Science Advisory Committee sobre poluição do ar da Harvard School of Public Health, da Harvard University, EUA.

Membro titular da Academia Brasileira de Ciências. Coordenador da Área de Medicina II da CAPES. Desenvolve atividades de divulgação de ciências como membro do painel fixo de comentaristas da rádio Estadão e do Jornal da Cultura.

Organizou o livro “Saúde e Meio Ambiente: o desafio das metrópoles”, lançado em 2011.

Atualmente é diretor do Instituto de Estudos Avançados da USP.