Liana Amin Lima da Silva
Consultora PNUD junto ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio)/ Ministério do Meio Ambiente para normatização do Turismo de Base Comunitária em Unidades de Conservação.

Professora visitante e Pós-Doutoranda junto ao PPGD-PUCPR. Doutora em Direito Socioambiental e Sustentabilidade (PUCPR), foi bolsista do Programa Doutorado Sanduíche no Exterior (PDSE/CAPES), com estágio de doutorado na Universidad Nacional de Colombia (UNAL), pesquisadora visitante na Universidad Tecnológica del Chocó (UTCH), integrou equipe de assessoria jurídica junto aos Povos da Sierra Nevada de Santa Marta, Colômbia para construção de protocolo de consulta prévia.  Coordenadora do projeto “Observatório de Protocolos Comunitários e o direito de consulta e consentimento livre, prévio e informado na América Latina”. Mestre em Direito Ambiental pela Universidade Estadual do Amazonas (UEA). Desde 2010 é professora colaboradora em Direito dos Povos Indígenas na Licenciatura Indígena Políticas Educacionais e Desenvolvimento Sustentável, turmas Baniwa, Tukano, Yegatu e Yanomami do Centro Universitário Indígena Alto rio Negro (UFAM); Cursou a Diplomatura en Estudio Internacional en Pueblos Indígenas, Desarrollo, Participación y Consulta Previa, pelo Instituto Internacional Derecho y Sociedad (IIDS)/ PUC-Perú. Foi consultora PNUD junto ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio)/ Ministério do Meio Ambiente para normatização do Turismo de Base Comunitária em Unidades de Conservação (pesquisa comparada no âmbito de 06 países na América Latina). Pesquisadora do Centro de Pesquisa e Extensão em Direito Socioambiental (CEPEDIS) e no projeto CNPq “A Questão Avá Guarani no oeste do Paraná”;   Pesquisadora do Grupo de Trabajo: “Derecho, Clases Sociales y Reconfiguración del Capital”, de CLACSO (Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales). Associada e Diretora de Assuntos Indígenas do Instituto O Direito por Um Planeta Verde (IDPV), foi consultora no projeto “Sistemas estaduais de PSA: diagnóstico, lições aprendidas e desafios para futura legislação” (IDPV). Advogada.